Ambulatório Social

O que é e para que serve a terapia artística?

A terapia artística é uma atividade artística terapêutica que estimula o entusiasmo ao pintar, modelar e desenhar, de forma a colocar em movimento onde existe bloqueio, ritmo onde existe distúrbio e ajuda no processo de cura de doenças.

Você gosta de modelar, desenhar ou pintar? Ou tem vontade de trazer sobre o papel uma bela pincelada de cor, ou com suas mãos sentir a argila e dela trazer uma forma que lhe agrade ou até deixar sua mão descobrir o desenho em ritmo e movimento?

Você sabia que existe uma maneira de cuidar da sua saúde através da arte e que este caminho pode auxiliá-lo na sua vida?

Estamos falando da terapia artística! E o mais legal é que não é preciso ter habilidades artísticas para se beneficiar dela, basta ter a vontade, a determinação para a prática lhe fortalecer.

As sessões de terapia artística têm ajudado crianças a partir dos 7 anos em questões pedagógicas; nos adolescentes, adultos e idosos (de ambos os sexos), na saúde mental; no tratamento dos processos de cura de doenças e também para encontrar o caminho do fluxo da própria vida.

A terapia artística atua positivamente em quadros de doenças crônicas, pacientes com câncer, quadros de esclerose, doenças autoimunes, assim como pessoas com ansiedade, depressão e pânico. Essa terapia ativa a forças revelando o que há de bom e positivo na vida de cada um de nós, em adultos, adolescentes e crianças

ambulatório social

Atendimentos

Todos os atendimentos vêm sendo realizados semanalmente e contam com o acompanhamento de terapeutas artísticos supervisores reconhecidos pela AURORA (Associação Brasileira de Terapeutas Artísticos Antroposóficos). A coordenação é responsabilidade do Colegiado da Terapia Artística Sagres.

O público do ambulatório é composto de crianças, adolescentes e adultos, tendo acesso também portadores de necessidades especiais. Várias pessoas já se beneficiaram e continuam sendo apoiados no seu caminho de cura e autodesenvolvimento.

O trabalho do estagiário é voluntário.

O pretendente será encaminhado para o atendimento após o preenchimento da razão pela qual está procurando este recurso terapêutico, o preenchimento do Questionário Sócio Econômico e o período do dia da semana que tem disponível.

Os pacientes contribuem mensalmente com o valor estipulado em conjunto com o coordenador do Ambulatório.

Como funciona:

1 - Preencha o formulário socioeconômico;

2 - Escolha o melhor período para ser atendido;

3 - Aguarde que entraremos em contato para marcar sua primeira sessão de terapia artística.

 

Qual o procedimento:

1 - Você será informado do início da sua terapia.

2 - Pedimos que chegue uns 10 minutos antes da hora marcada para ser informada do local a ser atendido.

3 - O terapeuta artístico irá recebê-lo, terá uma apresentação mútua, será feita uma breve entrevista e os acordos.

4 - O método terapêutico normalmente inicia com três trabalhos livres, ou quando necessário é proposto um trabalho dirigido. Esses trabalhos livres normalmente pedidos são feitos com pintura ou modelagem e eventualmente com desenho. A partir deles o terapeuta artístico faz o diagnóstico através da imagem e propõe o caminho terapêutico. Os trabalhos podem ser dirigidos, direcionados ou livres.

5 - A terapia é semanal, com a duração de 1hora ou a combinar com o terapeuta.

6 - Por ser a terapia artística um processo, com início, meio e fim, o tempo de duração é de 4 meses. O terapeuta apresentará uma planilha com as datas do atendimento.

7 - O valor mensal a ser pago será equivalente ao ganho mensal. Pedimos o pagamento antecipado ao mês que irá ser atendido.

8 - O paciente terá direito de acesso à documentação da terapia,

9 - É necessário o consentimento do paciente para indução de suas informações em trabalhos de estudo e pesquisa.

10 - O paciente tem o direito de interromper a terapia a qualquer momento.

11 - O paciente tem a obrigação de se comunicar 24h antes se for faltar na sessão. E perderá a vaga caso tenha faltado dois encontros consecutivos, podendo requerer a volta refazendo o processo de inclusão pelo site.

12 - O terapeuta artístico tem o direito de sugerir ao paciente indicação ou orientação de outros profissionais e informá-los das opções de tratamento.

13 - Formalizar contrato ou acordo com anuência de ambas as partes, sobre as informações prestadas.

Um pouco de nossa história

O Ambulatório Didático e Social teve início em 2004 com o curso de Formação em Terapia Artística Antroposófica. Através do impulso da Dra. Gudrun Burkhard, então coordenadora do curso de Terapia Artística e diretora da Associação Sagres, contou também com a colaboração da terapeuta artística Silvana Mara Mazzollie e das médicas Dra. Ana Maria B. dos Santos e Dra. Waldivya Machado.

O estágio supervisionado é pré-requisito para a formação e a aptidão profissional dos alunos do curso de Formação em Terapia Artística, terapia complementar da Medicina Antroposófica. Assim o Ambulatório Didático Social foi criado para atender esta solicitação e atender pessoas sem condições financeiras para tal.

Os atendimentos do ambulatório aconteciam em salas de aula da Associação, e estas quando ocupadas por cursos, impossibilitava que os atendimentos acontecessem. Essa realidade mudou em 2013, quando por iniciativa de um grupo de terapeutas artísticos, colaboradores e apoio da Associação Sagres, o ambulatório conseguiu sua própria sala.

Para colaborar com o Ambulatório Social, nós aceitamos doações na seguinte conta:

Leda Regina de Araújo

Sicredi - 748

Agência - 0226

Conta Poupança - 1703712-9